quarta-feira, 17 de julho de 2013

Pergunta do IGOR

Gente,

Estivemos fora por uns dias (fotos e posts em breve, ok?) e por isso demorei um tanto a responder às mensagens do pessoal.

Hoje achei este email do Igor na minha caixa postal. Como não consigo lembrar a senha do bendito email do blog, vou ter que responder por aqui mesmo!

À pergunta:

"Prezados "Docinho" e "Coração",

Em primeiro lugar gostaria de agradecer o serviço de utilidade pública prestado pelo blog de vocês, muito bom mesmo!

Bom meu nome é Igor e irei, juntamente com a minha esposa, me mudar para Coimbra em setembro. Fui aprovado em um doutoramento em democracia no CES/Univ. Coimbra.

Agora estou tentando andar com a papelada para ir e também iniciando a busca por lugar para morar. Nessa última queria uma opinião de vocês.

Em princípio não estava pensando em ter carro. Sou de Brasília e aqui para tudo é necessário carro. Nunca fui à Portugal e à Coimbra, mas já fui para algumas cidades europeias e adorei a possibilidade de levar uma vida confortável sem carro - utilizando transporte público, andando, e usando táxí quando aperta.

Sinceramente, vcs acham que vale a pena ficar sem carro por ai?
Se sim, já li no blog que talvez a Solum e Vale das flores seriam os bairros mais indicados para ficar sem carro e encontrar algo mais novo para morar, certo?

Aqui em Brasília alugo um apartamento todo mobiliado, então não temos muita "tralha" pra levar. Estava pensando em alugar um apartamento mobiliado por ai também. Até porque talvez eu vá fazer um período sanduíche na Inglaterra no quarto semestre.

Vii o site do apto comvida e achei muito bom, mas o problema é o bairro que, conforme vi no blog de vocês, talvez eu precise de carro.

Vcs conhecem algo semelhante (ou algo no esquema apart hotel) em bairros mais centrais?

Outra coisa: precisa de fiador?

Um grande abraço,

Igor"

Caro Igor,

Você VAI precisar de carro em Coimbra. Embora haja transporte público considerável aqui, é complicado para quem tem carro e viveu a vida toda andando de carro contar com ônibus nesta terra. E como TODO MUNDO aqui tem carro, os serviços públicos não são uma Brastemp... nós quando viemos também achamos que íamos ficar sem carro. Mas aí veio o inverno... a chuva fria... e depois de alguns dias esperando o ônibus no ponto congelando optamos por comprar um. Uma colega de mestrado da Docinho comprou um corcinha em ótimo estado por menos de 1.000 euros. Acha-se outras coisas como estas com uma certa facilidade. E depois vende-se também com mais ou menos a mesma facilidade! Minha sugestão é comprar um carrinho de uns 2 ou 3 mil euros e depois vender quando for embora. Vai perder alguma coisinha, mas não será tanto....

Quanto aos AP com vida, acredite, são o que vai achar de melhor para morar em Coimbra. Moramos lá por 2 anos e foi ótimo. Agora, se o seu problema será ir somente para a faculdade nos dias do doutorado (uma ou duas vezes por semana), tem táxi para ser usado nos dias de chuva. Se estiver sol ou calor, anda-se até a portagem (uns 15 minutos no máximo de caminhada) e de lá pega-se ônibus para qualquer lugar da cidade.

Mas e o turismo????!! Sem carro é BEM mais complicado. O sistema público de transporte em Portugal não é dos melhores (ainda mais se conhece os do UK, Alemanha, EUA...). Sem um carro vai deixar de fazer zilhões de pequenas viagens que fazemos aqui e que valem MUITO a pena. 

Quanto aos AP mobiliados que vimos - além dos AP com vida - uhhhhhhhhhhhhhhhhmmmmmmmm, não gostamos de nada. Sabe aqueles ap de praia com móveis derrotadaços? Pois é, é naquele padrão. Tudo bem que não sou fresco e nem faço questão de luxo, mas também não preciso mais, nesta altura do campeonato, de morar num padrão república de estudantes, né?! Como exceção há os tais apartamentos que mencionei e que ficam no Estádio de Coimbra, junto do Dolce Vita Shopping. Não conheço pessoalmente, mas um amigo de doutorado da Docinho está morando lá e gosta bastante. Tudo bem arrumadinho e é super-central. Os contatos estão em um post que coloquei em algum lugar aí no passado! kkkkkk

Não traga nada para cá, meu amigo. Nós viemos com SEIS malas, fora mochilas e etc... foi ph¨#$%#$%#%Q$%Q$%@Q$%Q$%da. E de tudo que trouxemos, usamos menos de 1/10, pois acabamos comprando roupas, livros e etc aqui mesmo, pois são melhores e mais baratos. Minha recomendação é traga o menos possível, talvez o suficinente para uns 10 dias e o resto compre aqui.

Os AP com vida não precisam de fiador - ao menos nunca nos pediram nada. Nem lá no Dolce Vita. Agora, apartamentos em geral aqui exigem fiadores. E não há seguros-fiança como no Brasil. Isso é mesmo um saco. Alguns lugares aceitam 3 meses de aluguel pagos em adiantado, mas aí quem fica ressabiado sou eu!! kkkkk É muita grana para deixar nas mãos destes caras! :)

Espero ter ajudado.

Abs

Coração

6 comentários:

  1. Olá!

    Muito obrigado mesmo pelas dicas. Vou tentar, pelo menos inicialmente, ficar no COMVIDA ou Mesmo no DOLCE VIDA.

    E vou me preparar para comprar carro...

    Até setembro.

    Abs,

    Igor

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Até setembro! Mas veja a resposta que dei para uma outra pessoa ainda ontem. Deixar para setembro é garantir que não vai achar grandes coisas depois para alugar... os melhores já estarão tomados.

      Quando chegar aqui não deixe de dar notícias. Quem sabe não marcamos um choppinho aqui perto na Praxis?
      Abs
      Coração

      Excluir
  2. Olha realmente tenho que concordar com o Igor, este blog tem que ser considerado de utilidade pública. Eu também sempre estou por aqui, me mantendo informado sobre o cotidiano de um Brasileiro em Portugal, e o melhor não é aquele que vive falando mal do lugar mas continua morando lá pelo contrário, eles sempre informam os acontecimentos de uma forma realista, não fazem tudo parecer cor-de-rosa, mas também não ficam dizendo que tudo é cinza, simplesmente mostram a realidade e pronto, claro que com dicas muito valiosas e importantes, assim como o Igor achava que o transporte ai era uma maravilha e que não precisaria de carro, mas vi a importantcia não só para o dia a dia, mas também para o lazer, muito legal essa dica!3
    Abraços

    ResponderExcluir
  3. :)

    Essa deixou a gente feliz, viu, Flores!

    Muito obrigado.

    Abs

    Coração

    ResponderExcluir
  4. Vocês indicam alguma loja de carros usados?

    ResponderExcluir
  5. Oi Anônimo,

    Indicar, não indico, pois não usei diretamente e nem tenho boas referências, por isso evito. Agora, NÃO indico honestamente as lojas de beira de estrada que há aqui aos montões. Tive uma amiga que comprou numa e se deu bastante mal. E já ouvi outras histórias também.
    Agora, há várias revendas autorizadas (Citroën, Renault, GM, Audi e etc) na cidade. Mesmo pagando um pouco mais caro, acho que vale a pena ir nestas para dar uma olhada, pois em geral têm boas garantias. Há também uma loja chamada MCoutinho. Repito, nunca comprei lá, mas pelo menos é antiga e muito conhecida e tem no país todo, portanto, não deve ser ruim, né?
    Abs
    Coração

    ResponderExcluir