quarta-feira, 1 de outubro de 2014

Pontualidade portuguesa / Portuguese punctuality

Olá pessoal,

Estamos em Portugal há 4 anos. Mestrado, doutorado, especialização, trabalho, cursos, shows, cinema e tudo o mais que puder imaginar nós já fizemos ou estamos fazendo. Aprendemos muita coisa sobre a cultura 'local' e ainda estamos aprendendo todos os dias.

Agora, uma coisa temos que dizer: NÃO HÁ PONTUALIDADE NESTE PAÍS!!! É algo incrível! NADA nunca começa na hora! Sempre há um atraso, por qualquer motivo que seja, sempre, sempre, sempre, sempre há atrasos. Na Universidade de Coimbra é até institucional e reconhecido por estatuto (acredite!!!!) e tem até nome "o quarto de hora acadêmico", ou seja, QUALQUER coisa na Universidade em geral começa 15 minutos atrasado por conta desta 'tolerância'.

Saiba, então, que sua pontualidade NÃO será apreciada e muitas vezes ainda será objeto de gozação.

Para os brasileiros, que também não são nada pontuais, isso pode parecer sem importância, mas quando falamos com americanos, britânicos e alemães, por exemplo, que são extremamente pontuais e acham a impontualidade uma forma de afronta, deselegância e falta de educação, aí sim a coisa atinge um patamar diferenciado. 

Agora já sabe, chegue na hora, mas não espere mais ninguém no mesmo horário... 

Abs

Coração

-------------------------------------------------------
(this is a Bing translation) 

Hello guys,

We've been in Portugal for 4 years. Master's degree, doctorate degree, specialization, job, courses, concerts, movies and everything else you can imagine we've done or are doing. We learned a lot about ' local ' culture and we're still learning every day.

Now, one thing we have to say:  there's no PUNCTUALITY in THIS COUNTRY!!! Is something incredible! Nothing ever starts on time! There's always a delay for any reason whatever, always, always, always, always there are delays. At the University of Coimbra its even institutional and recognized by statute (believe me!!!!) and has even been named 'the academic quarter of an hour ", i.e. anything the University generally begins 15 minutes late because of this tolerance.

Now you know, then, that your punctuality will be NOT appreciated and often will still be object of mockery.

For Brazilians, who also are not punctual, this may seem unimportant, but when we talk to Americans, Britons and Germans, for example, that are extremely punctual and think the tardiness a form of insult, inelegance and lack of education, then things reaches a plateau differentiated.

Now you know, be on time, but don't expect anyone else to be too.

Coração

Nenhum comentário:

Postar um comentário